Neuralink’, de Elon Musk, faz 1º implante de chip cerebral em humano

Um paciente humano recebeu o primeiro implante de chip cerebral da “Neuralink”, empresa do bilionário Elon Musk, no domingo (28). O anúncio foi feito pelo próprio empresário em uma rede social na noite desta segunda-feira (29).

Os estudos com implantes cerebrais em humanos foram autorizados pela Agência de Alimentos e Medicamentos dos Estados Unidos (FDA, na sigla inglês) em maio de 2023. Quatro meses depois, a empresa abriu inscrições para voluntários.

No “X” (antigo Twitter), Musk escreveu que o primeiro produto da Neuralink foi chamado de “Telepathy” (Telepatia). O dispositivo permite que humanos controlem dispositivos eletrônicos, como computadores e celulares, apenas com o pensamento.

“Os primeiros usuários serão aqueles que perderam o uso dos membros. Imagine se Stephen Hawking pudesse se comunicar mais rápido do que um digitador rápido ou um leiloeiro. Esse é o objetivo”, afirmou.

De acordo com Musk, o paciente que recebeu o primeiro implante está se recuperando bem. Ele disse ainda que os resultados iniciais mostram uma detecção promissora de picos de neurônios.

O estudo conduzido pela Neuralink utiliza um robô para introduzir um implante de Interface Cérebro-Computador (ICC) por meio de um procedimento cirúrgico. O dispositivo é instalado em uma região do cérebro que controla a intenção de movimento.

Neste primeiro teste, a empresa quer avaliar a segurança do implante e do próprio robô que fez o procedimento cirúrgico.

Até a publicação desta reportagem, a Neuralink não havia fornecido mais detalhes sobre o paciente e o procedimento feito no domingo.

Quando a empresa abriu inscrições para voluntários, o recrutamento era voltado para pessoas com paralisia decorrente de lesão da medula espinhal cervical ou esclerose lateral amiotrófica.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo