Iara Sanny, influencer sucesso na web, continua dando expediente em um banco e faz público refletir sobre etarismo

A fashion influencer Iara Sanny tem princípios firmes de não se deixar levar pelos luxos propiciados pela vida pública e não esconde isso do público, ao trabalhar ainda como funcionária de um banco. “Não é uma questão só de vaidade ou do desejo de parecer bonita na tela, mas uma conexão emocional real. Permanecer me conectando emocionalmente com as pessoas se tornou um propósito meu nas redes sociais”. Ela faz o público pensar muito ao criar o quadro de mais sucesso: “Esse look é estiloso mesmo ou é porque uma jovem está usando?

*por Luísa Giraldo

 Há aproximadamente um mês, a influenciadora digital Iara Sanny se propôs a cumprir um desafio no quadro “Esse look é estiloso mesmo ou é porque uma jovem está usando?”, de seu perfil nas redes. Ciente do movimento cíclico da moda, a criadora de conteúdo abusou dos acessórios femininos para compor um look inspirado na personagem Blair Waldorf, do seriado norte-americano “Gossip Girl”, ícone dos anos 2000. Encantados pela combinação final, os seguidores fizeram milhares de comentários sobre a atenção direcionada aos detalhes característicos da personalidade fashionista de Blair e das semelhanças físicas dela com a protagonista da série, que se passa em Manhattan, nos Estados Unidos. Apesar de lembrar a personagem interpretada por Leighton Meester, a influencer busca preservar a humildade sem se deixar levar pelas vaidades e ego do meio.

 Iara trabalhava como gerente de banco antes de começar a produzir conteúdo para as plataformas digitais. Decidida a preservar aspectos da vida de uma pessoa anônima e do contato diário com o público, a influenciadora optou por dar continuidade à carreira no mercado financeiro. Atualmente, ela alterna entre os ofícios como gerente de um banco em João Pessoa, na Paraíba, e criadora de conteúdo. No Instagram e no Tik Tok, a fashion influencer acumula milhões de curtidas distribuídas em centenas de vídeos curtos com conteúdos que variam de histórias de vida dela e da família à dicas relacionadas ao nicho da beleza e da moda. Em menos de um ano, Iara conquistou quase 500 mil de seguidores e se tornou uma das mais conhecidas criadoras de conteúdo do Nordeste brasileiro.

 Considerada referência de moda para mulheres maduras na internet, Iara descreveu que a responsabilidade com “a verdade na entrega dos conteúdos para o público” veio no lugar de um possível deslumbramento com o sucesso abrupto. “Eu tenho resistido muito a ser somente influencer digital e insistido em permanecer nessa minha outra atividade, porque ela me dá muita humanidade. Eu atendo cerca de 30 pessoas por dia e esse contato sem a condição de influenciadora me traz muito conhecimento das relações humanas normais e humildade”, reflete.

Iara Sanny, influencer, fala sobre como quer se manter humilde e humana no meio da internet

Iara Sanny, influencer, fala sobre como quer se manter humilde e humana no meio da internet (Foto: Divulgação)

 Após viralizar nas redes, a fashionista madura avalia que o primeiro encontro com um seguidor foi o ponto-chave de virada para direcionar dedicação total para a carreira como influenciadora. Segundo a influenciadora, um rapaz a reconheceu de longe e correu para cumprimentá-la em um Shopping de Recife. Ao ser abraçado, o fã chorou a ponto de emocionar a influenciadora e fazer com que ela percebesse a potência da “conexão emocional” estabelecida com os seguidores. A estrela das redes avalia que o encontro a tornou mais empoderada e consciente da responsabilidade, além de “muito pouco deslumbrada” com os privilégios e luxos da vida como pessoa pública.

 “Passei a me empenhar ainda mais na entrega dos vídeos, porque sabia que eu poderia tocar emocionalmente as pessoas. Não é uma questão só de vaidade ou do desejo de parecer bonita na tela, mas uma conexão emocional real. Permanecer me conectando emocionalmente com as pessoas se tornou um propósito meu nas redes sociais”.

Início da carreira

 A ideia de se voltar para o nicho da produção de conteúdo nas plataformas digitais veio por influência do filho, Gabriel de Freitas, e do namorado dele, Gustavo Tomás, ambos com 26 anos. Conhecido pelos seguidores como “Gabilo”, o rapaz acreditava no potencial da mãe como criadora de conteúdo pela forma leve e sensível que contava histórias para os amigos e família. Para ele, o interesse do público das redes seria garantido quando conhecessem os conselhos e desabafos da mãe. Apesar disso, em um primeiro momento, Iara teve dificuldade de se imaginar frente às câmeras pelo receio de não saber se portar de acordo com a linguagem redes. A sugestão do casal de namorados foi clara: “seja você mesma e faça exatamente o que você já faz”. E essa foi a fórmula para o sucesso repentino dela na internet.

Iara Sany, criadora de conteúdo digital, reflete sobre a dificuldade de pessoas mais velhas de entrarem no mundo digital

Iara Sany, criadora de conteúdo digital, reflete sobre a dificuldade de pessoas mais velhas de entrarem no mundo digital (Foto: Divulgação)

 “Faz pouco mais de um ano desde que começamos. Foi tudo muito rápido desde que as pessoas se interessaram. A gente começou a publicar vários conteúdos aleatórios, principalmente histórias que eu tinha vontade de contar. Até que um dia, o vídeo que eu contei a história de como foi a questão da homosexualidade de Gabilo realmente alcançou uma entrega grande. A partir dele, fui convidada para fazer palestras. Lá, eu falei sobre esse assunto novamente e foi muito emocionante”, relembra ela, do vídeo com sete milhões de visualizações e um milhão de curtidas no Tik Tok.

Não é uma questão só de vaidade ou do desejo de parecer bonita na tela, mas uma conexão emocional real. Permanecer me conectando emocionalmente com as pessoas se tornou um propósito meu nas redes sociais” — Iara Sanny

 O quadro de mais sucesso dos perfis de Iara é: “Esse look é estiloso mesmo ou é porque uma jovem está usando?”, em que a influenciadora madura busca replicar combinações de roupas e acessórios das it girls do momento. Rapidamente abraçado pelo nicho fashion das redes, o bordão foi inventado pelo genro enquanto gravavam um vídeo de moda. Desde então, o conteúdo é amplamente compartilhado pelos seguidores e convida outras pessoas a conhecerem o trabalho de Iara.

 Apesar disso, aos 55 anos, a gerente de banco não imaginava poder se reinventar como profissional e mulher. Iara explicou que a “sede de viver e desejo por vivenciar muitas experiências novas” na internet a motivou a continuar produzindo conteúdos. Não demorou até que eles atingissem múltiplos nichos das plataformas digitais, alternando entre boas fofocas de família até maquiagens e composições de looks com personalidade de uma mulher madura.

A fashion influencer Iara Sanny tem mais de meio milhão de seguidores nas redes sociais

Ensinando mulher maduras a ousar nos looks, a fashion influencer Iara Sanny tem mais de meio milhão de seguidores nas redes sociais (Foto: Destaque)

 “Eu não queria falar apenas roupas bonitas, mas falar de moda de uma forma a expressar e alcançar mulheres maduras que se sentiam intimidadas a usar certos tipos de roupa pela sociedade, eram censuradas por olhares e tinham vontade e sem coragem. Eu também queria que o meu conteúdo atingisse mulheres jovens para que elas pudessem chegar na minha idade livre de censuras e podendo expressar realmente como elas são e sem a censura velada que a minha geração sofre”, desabafa.

 Iara detalhou que tinha “uma visão muito voltada para estudo e para o trabalho corporativo em si”, o que não lhe deixava com tempo livre para se aventurar nos ambientes digitais. “A minha geração tem uma resistência natural às redes sociais porque elas parecem ser uma comunidade muito jovem. Navegar por elas me fez ver coisas muito legais, me sentir parte daquilo e entender que eu não precisava ficar alheia a elas. Eu entendo que elas podem ser ambientes importantes para a quebra de paradigmas e transformadores do mundo”, concluiu ela.

Iara Sanny, também gerente de um banco, abre o coração sobre o que significa o espaço da internet para ela

Iara Sanny, também gerente de um banco, abre o coração sobre o que significa o espaço da internet para ela (Foto: Divulgação)

 Para Gabilo, a mãe é uma pessoa caseira a ponto de “comprar um guarda-roupa novo para ficar em casa assistindo Netflix”. Sem esconder a personalidade mais introspectiva, ela admitiu ter recebido conselhos dos assessores para socializar mais e estabelecer vínculos com outros influenciadores. Em consonância, Iara reconhece a importância da socialização para que o trabalho dela atinja outros grupos e nichos, dentro e fora das plataformas.

Eu  queria falar de moda de uma forma a expressar e alcançar mulheres maduras que se sentiam intimidadas a usar certos tipos de roupa pela sociedade. Também queria que o meu conteúdo atingisse mulheres jovens para que elas pudessem chegar na minha idade livre de censuras e podendo expressar realmente como elas são” — Iara Sanny

“As minhas causas pedem que eu expanda [as minhas relações interpessoais]. Porque eu quero falar para mais gente e ser ouvida por mais pessoas. Às vezes, realmente é necessário que eu circule mais para alcançar o público. Se isso for necessário, vou me acostumar a uma nova rotina, tentando preservar as minhas particularidades e essência. Também quero ficar um pouco em casa para manter parte da rotina, que eu tanto gosto, e para não me afastar muito de mim”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo