Brechó de Luana Piovani celebra 10 anos e crescimento de 200% em 2022

O brechó de luxo Cansei Vendi comemora os 10 anos da empresa e o apogeu da moda consciente. “As pessoas já entenderam a importância e a lógica em se comprar um item usado, e a nova geração já vem com esse chip de sustentabilidade implantado no seu ser”, vibra Leilane Sabatini, CEO da fashiontech, ao lado da sócia, Luana Piovani. “A vida fica mais prática quando a gente tira o tal do ‘mimimi’ e o preconceito de ter artigos usados e passa a se importar com coisas que realmente valem a pena – como, por exemplo, consumir de maneira consciente”, complementa a atriz.

O Cansei Vendi registrou crescimento de 70% no primeiro semestre de 2023, seguido dos 200% registrados em 2022, quando abriu a primeira loja física “omnichannel” do setor. Os números comprovam as pesquisas do mercado, que apontam para uma maior conscientização por parte dos Millennials (nascidos entre 1980 e 1996) e da Geração Z (pós-1997), além da expansão do “recommerce” três vezes mais rápida do que a do varejo de vestuário, segundo aponta a plataforma americana ThredUp.

Para o consultor de moda Arlindo Grund, o  second hand é uma oportunidade de ouro para looks exclusivos e cheios de personalidade. “Esse tipo de consumo permite criar uma identidade visual original, pois, muitas vezes, as peças não estão mais nas lojas, o que resulta em composições diferenciadas. Fazer a moda circular nunca esteve tão em alta no mundo!”, aponta ele, que é head de estilo da empresa.

A coleção inclui uma bolsa “Louis Vuitton Masters Collection Monet” pintada à mão pelo artista americano Jeff Koons; edições especiais de Hermès Birkin; e até uma clutch Fendi 1976 do MET (Metropolitan Museum of Art) Elas compõem o acervo da Cansei Vendi, que ainda tem mais de 10 mil itens de 120 marcas de Alta-Costura, oferecidos a valores até 80% menores aos das maisons, depois de passarem por curadoria interna e controle de autenticidade da empresa americana Real Authentication, para evitar falsificações.

Além do site, as peças são expostas na concept store de 200m², em São Paulo, onde um tablet gigante integra os canais online e offline da empresa e oferece a experiência multicanal aos consumidores.

Celebridades como Narcisa Tamborindeguy, Zilu Camargo, Cleo Pires, Sasha e Karol Pinheiro têm lojinhas na plataforma, assim como os influenciadores, Juzão (Juliana Muncinelli), Carole Crema, Stella Spinola e Maqui Nobrega, que prestigiaram a comemoração da primeira década da fashiontech, em um coquetel no Masp, em São Paulo. “Tenho muito orgulho pela trajetória que construímos de fomentar a circularidade da moda, em sermos referência no segmento e termos consolidamos esse mercado por aqui”, comemora Leilane Sabatini.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo