Tudo o que você precisa saber sobre a hiperpigmentação da pele

Manchas escurecidas, sardas, melasma… Todas essas condições podem ser tratadas como hiperpigmentação. Esse é um quadro dermatológico comum que não tem a ver com o tipo de pele ou com a idade, já que depende de fatores genéticos ou eventos externos, como a exposição solar. Porém, se você se incomoda com alguma dessas características, tratamentos eficazes dão conta de amenizar o caso.

Para descobrir os detalhes sobre o assunto e seus tratamentos, Hannah Aerts, médica especializada no tratamento de pacientes com problemas de pele, responde algumas perguntas sobre hiperpigmentação. Leia:

O que é hiperpigmentação e quais são as causas mais comuns dessa condição de pele?

A hiperpigmentação refere-se ao aumento anormal da produção de melanina. Isso leva à formação de manchas de pigmentação. Existem formas congênitas de hiperpigmentação – muitas vezes difíceis de curar – e formas adquiridas a partir de vários fatores. Os principais culpados, na maioria dos casos, são os raios solares. Porém, certos medicamentos, alergias, inflamações, fatores hormonais, gravidez, e acne também podem provocar a hiperpigmentação.

Manchas escurecidas, sardas, melasma… Todas essas condições podem ser tratadas como hiperpigmentação — Foto: Pexels
Manchas escurecidas, sardas, melasma… Todas essas condições podem ser tratadas como hiperpigmentação — Foto: Pexels

Como prevenir e tratar a hiperpigmentação?

O tratamento da hiperpigmentação é melhor feito em casa, com os ingredientes certos e sob orientação profissional adequada. Podemos complementá-lo com peelings químicos e lasers também.

Para evitar o quadro, o ideal é usar protetor solar de amplo espectro contra os raios UVA e UVB, incluindo a luz azul. É necessário usar o filtro todos os dias ao longo do ano e aplicá-lo de forma regular e na quantidade correta. Mesmo em ambientes fechados, em dias nublados e principalmente no carro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo